Olá visitante! Cadastre-se ou faça o login.

Atendimento

413030-1962
Logo

Atendimento

413030-1962
Carrinho
zoom passe o mouse
De Arraial a Vila - A criação da Vila de Campanha da Princesa (Ref: 9788555071676)
De Arraial a Vila: A criação da Vila de Campanha da Princesa objetiva discutir o processo de ocupação e de povoamento de Minas Gerais, considerando particularmente a porção sul do território, buscando
Disponibilidade: Envio imediato
por R$ 72,00 ou por R$ 0,00 no Depósito bancário
Quantidade: No momento a quantidade solicitada não esta disponível em estoque
Digite seu CEP:
Descrição longa
De Arraial a Vila - A criação da Vila de Campanha da Princesa: reivindicações locais, estratégias políticas e reafirmação da soberania portuguesa
Patrícia Vargas Lopes de Araujo

De Arraial a Vila: A criação da Vila de Campanha da Princesa objetiva discutir o processo de ocupação e de povoamento de Minas Gerais, considerando particularmente a porção sul do território, buscando compreender o significado da criação de vilas em Minas Gerais no final do século XVIII, destacando o processo de elevação do arraial de Campanha da Princesa a vila, em meio a crise do Antigo Regime, às repercussões e desdobramentos da Inconfidência Mineira e a preocupação da monarquia portuguesa em reafirmar sua soberania. Nesse sentido, procura-se refletir sobre as estratégias políticas e as articulações das elites locais em erigir o arraial em vila estabelecendo Casa de Câmara, instituição importante para a sustentação do poder e do governo português, que se constituiria em mecanismos de negociação e de mediatização de conflitos entre os interesses locais e a autoridades metropolitanas. As Câmaras foram instituições basilares quanto à organização da vila, tanto em termos administrativos quanto judiciais, sendo ainda relevantes, através de suas ações, para a formação de uma cultura urbana, na qual as ideias de civilidade e de urbanidade eram decisivas.
Por todo processo de povoamento e de formação do território, Minas Gerais é considerada como uma região de diferenciada, destacando-se especialmente quanto à criação de núcleos urbanos desde o início de ocupação do território, de modo que a ¿urbanização¿ é considerada como um traço distintivo de sua formação. Dessa maneira, o livro procura analisar como se processa o ordenamento urbano da Vila de Campanha da Princesa, entre o momento de instalação da Câmara e ao longo das primeiras décadas do século XIX, destacando-se a preocupação por parte das autoridades instaladas e de suas elites, com relação à urbanidade e à civilidade de seus habitantes. A partir de uma perspectiva mais abrangente intenta-se verificar como circulavam os princípios e os valores do pensamento liberal, bem como o que estes significavam em função da idealização do urbano e de sua organização, tendo como finalidade acompanhar as mudanças políticas, sociais e econômicas ocorridas no Brasil entre a segunda metade do século XVIII e o início do século XIX, percebendo como estas transformações influenciaram na organização administrativa da Vila de Campanha da Princesa.
Especificação
Apresentação: Brochura
Formato: 16 x 23 cm
Dados técnicos
ISBN: 978-85-5507-167-6
Páginas: 324
Edição: 1ª
Ano Publicação: 2016
Texto adicional
Patrícia Vargas Lopes de Araujo